Resenha: As primeiras 15 vidas de Harry August

Quem nunca quis poder voltar no tempo e arrumar um detalhe na sua vida?

Bom o Sr. Harry August consegue…

Sinopse: Certas histórias não podem ser contadas em uma única vida. Harry está no leito de morte. Outra vez. Não importa o que faça ou que decisões tome: toda vez que ele morre, volta para onde começou; uma criança com a memória de todo o conhecimento de uma vida vivida diversas vezes. Nada nunca muda… até agora. Ele está perto da décima primeira morte quando uma garotinha de 7 anos se aproxima da cama: “Quase perdi você, doutor August. Eu preciso enviar uma mensagem de volta no tempo. O mundo está acabando, como sempre. Mas o fim está chegando cada vez mais rápido. Então, agora é com você.” Este livro conta a história do que Harry faz em seguida, do que fez antes, e do que faz para tentar salvar um passado inalterável e mudar um futuro inaceitável.

Ficção, Literatura Estrangeira, Romance / 448 páginas / Editora Bertrand Brasil / Autora: Claire North / Publicado em 2017 / Classificação 4/5  / Compre & Compare Fnac Livraria da Folha

O que você faria se tivessem a capacidade de voltar ao inicio, para quando ainda era apenas um bebê, mas com memórias de uma vida com mais de 500 anos… Bom, é isso Claire North nos apresenta neste enredo envolvente e com alguns dos diálogos mais estranhos que você consiga pensar.

Basta lembrar que o Sr. August já viveu 15 vidas então ele tem muita historia pra contar, garanto que algumas dessas histórias irão te fazer ficar com um gostinho de quero mais e outras iram te fazer querer estudar um pouco de física quântica (risos).

Os primeiros capítulos nos introduzem ao nosso narrador e personagem principal, nem preciso dizer quem, não é mesmo? Começamos descobrindo de onde ele vem, como ele descobriu o que podia fazer e é claro que ele não era o único. Após isso acompanhamos as aventuras ao longo de suas 15 vidas até o momento mais importante de todas elas juntas… Um possível fim do mundo que o Sr. August terá que ajudar a solucionar e prevenir apenas com informações de uma garotinha de 7 anos, e é neste momento que sua cruzada começa para descobrir em que momento da sua história o fim começou.

Este é o primeiro livro da senhorita Catherine Webb – com o pseudônimo Claire North – que embora seja um escritora experiente, com seu primeiro livro publicado aos quatorze anos, em “As primeiras quinze vidas de Harry August” notei uma escrita deveras massante com diálogos muito extensos e monólogos um tanto quanto melancólicos às vezes, em certas partes você precisa voltar uma ou duas linhas para poder entender sobre o que realmente o diálogo se trata. Acredito que como é seu primeiro livro de ficção científica ela quis nos passar a ideia de que os personagens realmente entendem de ciência e por causa disso alguns leitores que não estão acostumados a referências do mundo de Einstein podem achar estranho.

Por este e mais nenhum outro motivo acredito que “As primeiras quinze vidas de Harry August” é um 4/5. Mas isto não tira o seu mérito de ser um livro com uma proposta inovadora de história e enredo, é como se em meio a tantas pedras você encontrasse um diamante bruto chamado Claire North.

 

Anúncios

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s