Resenha: A improvável teoria de Ana e Zak

Escritor: Brian Katcher
Editora: Rocco
Ano: 2016
Págs: 317

Sinopse: Ana Watson é uma aluna exemplar, pratica tiro com arco, é capitã da equipe de jogos acadêmicos e voluntária no programa de distribuição de sopa para pessoas carentes. Seu foco é ser aceita na Universidade de Seattle e escapar um pouco dos pais controladores; Zak Duquette é um nerd inveterado. Divide seu tempo livre (e boa parte do resto do tempo também) entre games, filmes duvidosos e quadrinhos. Seu grande objetivo é não perder a Washingcon, a maior Convenção de Ficção Científica, Fantasia e Quadrinhos da região. Quando o irmão mais novo de Ana abandona as semifinais de um campeonato da escola para participar escondido da Washingcon, escondido dos pais, ela sabe que Zak é a única pessoa que pode ajudá-la a encontrar o irmão. E descobre que eles podem ter muito mais em comum do que ela gostaria de admitir. A improvável teoria de Ana & Zak é um romance divertido e cheio de reviravoltas sobre dois adolescentes se descobrindo numa convenção sci-fi.

Nossos protagonistas e narradores Ana e Zak, são nerds, são geeks, são inteligentes e sabem das referências. Maas durante um final de semana eles descobrem o real significado da famosa lei de Murphy kkkk’ Tudo o que poderia dar errado, acontece.

  -Ouça. O alarme de incêndio está tocando.
-Acho que não.
-Ah. Jurava ter ouvido um som fazendo miiimiiimiii – diz ela, imitando um lamento agudo.

Maas, como tudo na vida, isso tem um lado bom.
Fazendo com que o pior final de semana da vida deles, talvez se torne o melhor final de semana. Talvez se torne legen… wait for it..

15301173_10154832711201349_924564468_n

Vamos começar falando sobre o Zak.
Conhecido por não parar de falar nunca e ser super divertido, Zak está aguardando pelo seu evento favorito no ano a Washingcon. Porém, de última hora, ele recebe a notícia que irá repetir na matéria de saúde, e para evitar que isso aconteça, Zak (mais conhecido como Duque) acaba fazendo um trato com a sua professora se comprometendo a participar dos Jogos Acadêmicos, que por coincidência do destino acontecem no mesmo final de semana que a Washingcon.

 

Ana estuda na mesma escola que o Zak, maas ela não tem tempo para se divertir. Sua missão é ser a filha perfeita, ela não tem muitos amigos… Mas, adivinhem só? Ela é lider do grupo de Jogos Acadêmicos!

Zak acha Ana bonitinha, porém acha que ela é muita areia para o seu caminhãozinho.
Ana acha Zak patético e sem futuro algum.

“-Me chame de Duque.
-Não
-Então, que tal Eddie Baby?
-Não
-Renaldo?
-Não
-Docinho?
-Pare de falar agora.
-Está bem.”

Clayton, irmão mais novo de Ana, faz parte da equipe de Jogos Acadêmicos… mas, ele não está nem ae para nada e nem ninguém, então ele simplesmente foge para a Washingcon!

15310397_10154832711801349_874136243_n

E é ai que tudo começa a dar muito errado e muito certo para Ana a Zak.

“Meu humor está péssimo. Quero socar um hobbit.”

O livro é leve, engraçado e está muito bem escrito! #superINDICO

..dary – Legendary!!

Anúncios

5 comentários em “Resenha: A improvável teoria de Ana e Zak

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s