Resenha: Crônicas Saxônicas – O Último Reino

livro o ultimo reino

Bernard Cornwell
Editora Record, 2015
364 pgs

mapa inglaterra antiga

A saída para demonstrar  diferenças entre dois povos completamente diversos é contar a história de como um inglês cresceu dentro dos costumes pagãos dinamarqueses.

Em O Último Reino temos o início das Crônicas Saxônicas do escritor historiador Bernard Cornwell.

Na história, somos arremessados ao contexto histórico de encontro de culturas opostas. De um lado os ingleses cristãos. Do outro lado pagãos dinamarqueses. O primeiro lado querendo defender o território da Inglaterra. O segundo lado querendo conquistar o território. Típica história da humanidade, desde que os nômades passaram a ser sedentários e se organizaram em apenas um local e, com isso, começaram a defender o território habitado. Isso seria uma história típica. Sim. Seria. Seria uma história típica se fosse apenas uma conquista por território. No entanto, o contexto era maior que esse. O embate era também ver qual a religião dominadora, qual o deus ou os deuses verdadeiros. E dentro disso, podemos ver homens fazendo coisas surpreendentes. Um rei que deixa ser atirado flechas esperando que seu deus o salve, um guerreiro que ataca sem medo de morrer.

livro vikings

Existem alguns livros que têm uma evolução de um início do livro até o porquê de acontecer o desfecho final da história, algumas que não se consagram por não ter essa evolução e, por isso, não nos apegamos a ela. No entanto, esse livro é diferente. Cada ponto, cada momento, cada acontecimento tem um porquê, cada coisa simples é evoluída com a história, de maneira que no final de cada momento tudo vai se agrupando e sendo resolvido. Nele podemos entender como uma simples brincadeira de criança pode se transformar em um cenário de batalha entre elas. Isso não acontece por acaso, mas sim por vários motivos.

A escrita de Bernard Cornwell é excelente, consegue transformar história, ficção, mitologia em uma prosa perfeita.

Sinopse: “O último reino é o primeiro romance de uma série que contará a história de Alfredo, o Grande, e seus descendentes. Aqui, Cornwell reconstrói a saga do monarca que livrou o território britânico da fúria dos vikings. Pelos olhos do órfão Uthred, que aos 9 anos se tornou escravo dos guerreiros no norte, surge uma história de lealdades divididas, amor relutante e heroísmo desesperado. 

Nascido na aristocracia da Nortúmbria no século IX, Uthred é capturado e adotado por um dinamarquês. Nas gélidas planícies do norte, ele aprende o modo de vida viking. No entanto, seu destino está indissoluvelmente ligado a Alfred, rei de Wessex, e às lutas entre ingleses e dinamarqueses e entre cristãos e pagãos. 

O último reino não se resume a cenas de batalhas bem escritas e reviravoltas cheias de ação e suspense. O livro apresenta os elementos que consagraram Cornwell: história e aventura na dose exata. Uma fábula sobre guerra e heroísmo que encanta do início ao fim“.

livro vikings

Aos fãs da série Vikings, mas que nunca ouviram falar desse livro, tenho uma notícia para lhes dar 😀

O dinamarquês que adota Uthred não é qualquer um, mas sim Ragnar, o intrépido, que está junto de Ivar, o sem ossos, e Ubba, filhos de Lothbrok. Trazendo o mesmo contexto da série, porém de uma maneira mais profunda.

O Último Reino restante a ser dominado é o de Wessex reinado por Alfredo. Todos os outros havia sido trucidados pelos dinamarqueses. Tinham até outros que continuavam com seus reis no comando, porém o rei que antes comandava de verdade agora recebia as ordens dos dinamarqueses, mas continuara no cargo, mesmo que como um fantoche, para o povo inglês não se revoltar contra os dinamarqueses, mas também não reclamava de ser um fantoche, pois não tinha muita escolha. Ou sentava no trono fingindo ser um rei, mas que no fundo apenas recebia as ordens ou apenas era assassinado pelos dinamarqueses.

No entanto, o único reino que ainda resistia, o reino mais rico da Inglaterra era Wessex. Será que Alfredo vai ter forças para restabelecer a soberania da Inglaterra?

livro o último reino

Obs1: Esse livro é perfect!

Obs2: Terão outros posts se aprofundando e questões religiosas nas Crônicas e comparações com a série Vikings

#euindico

Anúncios

2 comentários em “Resenha: Crônicas Saxônicas – O Último Reino

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s