Parceria com a escritora Analice Chaves

Autora do livro ‘Setembrices e outros resquícios de revolução’

12714426_10154034359926349_1515358450_n

Sinopse: “Um dia descobri que tudo aquilo que diziam nas cancões era verdade: o amor não passava de uma grande revolução. Percebi que os poemas de amor eram imensamente mais bonitos, tanto que a palavra “poema” já não esclarecia sua grandeza. Era preciso um nome revolucionário. Ainda sonolenta, lembrei que, quando a primavera chega, traz a luz da vida ao topo dos ipês e isso parece mágica. É por isso que setembro é sempre recomeço. E setembrice, seus resquícios de revolução.”

E o blog fez uma mini entrevista com a escritora \o/
Prontos?

Mais um Leitor: Qual a sua parte favorita do livro?
Analice: O livro evolui em ordem cronológica: os poemas da primeira parte são de três, quatro anos atrás enquanto os da segunda são bem mais recentes. De alguma forma, eu sempre prefiro o que veio por último, talvez porque ainda era bem nova há quatro anos. Poemas como ‘Despedida’ e ‘Outra canção de revolução’ são meus preferidos nesse livro. Por serem recentes e por eu me sentir bem próxima a eles.
Mais um Leitor: O pior e o melhor momento, desde que você começou a escrever até ele ser publicado?
Analice: Quando os poemas mais antigos foram escritos, eu ainda não tinha certeza do que ia acontecer, não sabia que ia publicar. O processo de escolha de textos e produção do livro durou exatamente nove meses, como uma gravidez. O pior e o melhor momento foram, ironicamente, o mesmo. Estive montando ao mesmo tempo um livro e um espetáculo-sarau poético para o lançamento. Foi a primeira coisa que fiz inteiramente sozinha e tudo isso exigiu muito de mim, próximo ao dia do evento, estive estressada, mas ao mesmo tempo me sentia a cada dia mais madura e sabia que estava vivendo um momento incrível. Estava “materializando” a minha poesia e podendo trabalhar em cada detalhe para que tudo fosse o melhor possível. Aprendi em nove meses o que cinco anos não me ensinariam.
Mais um Leitor: Conte um pouco sobre você (hobby, sonhos, idade…)
Analice: Completo 18 anos em março e escrevo desde bem nova. Meus pais sempre me incentivaram na escrita e na leitura. Conheci Vinícius de Moraes e Cecília Meireles ao 7 anos. A poesia se tornou algo natural, onde eu não precisava me esforçar para cumpri-la.  Nos últimos quatro anos conheci pessoas incríveis que têm me apoiado e me ensinado muito. Além de escrever, já experimentei outras artes; dança, teatro, música, pintura… A arte é algo muito presente em mim. Atualmente,  ensino inglês e acabei de ingressar o curso de Letras. Pretendo continuar escrevendo, não só poesia, arriscar outros gêneros também. Mas a cada dia percebo o quando ainda tenho pra aprender.

Anúncios

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s