Crítica: Velozes e Furiosos 7

Ação, muiiiiita ação, comédia e uma homenagem linda.

maxresdefault

Sobre o filme…

Bom, o filme está bem parecido com os últimos da franquia, muita ação, tiros, pouca corrida comparado aos primeiros filmes onde o foco mesmo era o prazer de correr..

E muita, muita paia.

O filme já começa com paia, e continua com coisas que desafiam as leis da física e você fica tipo “WTF? Ele caiu de um penhasco e sobreviveu? Só teve alguns arranhões?”

vellll

Se você não liga muito para essas coisas, tudo bem o filme vai ser ótimo… Mas, se você liga, irá achar o filme um tanto sem noção.

Pra mim, a melhor parte do filme inteiro foi o final.
A homenagem que fazem para o Paul é muito linda e não tem como você não se emocionar #chorei.

“Tem sido um longo dia sem você meu amigo
E lhe direi tudo quando te vir de novo
Fizemos um longo caminho desde onde começamos
Oh, lhe direi tudo quando te vir de novo
Quando te vir de novo (8)”

Paul-Walker-RIP

“Nunca será um adeus…”

Anúncios

2 comentários em “Crítica: Velozes e Furiosos 7

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s