Filhos do Fim do Mundo – Fábio Barreto

Fim do Mundo

 

Mais uma vez trago um Livro Brasileiro para vocês, Filhos do Fim do Mundo.

SINOPSE

Quando as crianças do mundo param de nascer, um repórter se prepara para sua última matéria
sobre o começo do fim do mundo.
É meia-noite quando a humanidade é surpreendida pela notícia: todas as crianças nascidas nos últimos 12 meses morreram misteriosamente. Descobrem também que plantas e filhotes também morreram. Um repórter responsável por cobrir os eventos preparativos para o fim do mundo, deixa sua esposa grávida em casa, partindo para uma perigosa missão investigativa, em que terá de enfrentar grandes desafios para proteger aqueles que amam.
Em Filhos do fim do mundo, acompanhamos a saga de um repórter tentando se equilibrar entre sua função de pai e jornalista em meio ao caos pré-apocalipse. As catástrofes se misturam com a tensão psicológica do personagem em um envolvente romance que vai encantar os amantes de ficção.

 

O livro é de 2013 e por mais que vocês pensem que é algo relacionado ao fim do mundo em 2012 e do calendário maia e tal, não tem nada haver, Filhos do fim do mundo tem uma pegada bem diferente para o fim do mundo. A história não acontece nesse ou naquele ano no passado ou no futuro. Na realidade, ela se passa no tempo presente.  Outra coisa interessante da narrativa de Fábio é que ele não nomeia os seus personagens com nomes. Cada personagem é nomeado por um detalhe em particular ou por sua profissão. Digamos, o personagem repórter é chamado o tempo todo de Repórter. A esposa dele, de Esposa. O padre é Padre, o coronel é Coronel, e assim por diante. Quanto ao local onde se passa a história, ele não se preocupou em nomeá-las ou situá-las geograficamente. Poderia se passar em uma cidade de um país qualquer, no Brasil ou em qualquer lugar do mundo. E apesar dessa “novidade” a historia se desenrola muito bem, personagens carismáticos, que você se aperfeiçoa e outro que você odeia mortalmente.

Sobre esses temas de fim do mundo Fabio mostrou que ele ainda pode ser sim, muito explorado. O que você faria se encontrasse seu bebe de meses de idade morto no berço pela manhã? Se todos os bebes do mundo com menos de um ano de idade tivessem mortos, sem nenhuma explicação plausível? Se todas as plantas e filhotes com menos de um ano também estivessem mortas?  E se tudo que nascesse, nascesse morto? Seria o fim da humanidade? E se o filho que sua esposa está esperando, ou que você mesma está esperando, vier a morrer ao nascer? E se isso, de fato, não acontecer? O que isso representará nas circunstâncias pelo qual está passando a humanidade? O porque disso tudo?

E é sobre isso que trata o livro: a extinção em massa da humanidade. Claro que ele mostra apenas uma dentre muitas possibilidades que poderiam conduzir a nossa atual civilização ao seu fim. Isso aconteceu com tantas outras no passado. Babilônia, Grécia, Egito, Pompéia… Civilizações que cresceram, prosperaram e desapareceram. E nós, aqui ou ali, continuamos adiante. Certamente é isso o que Fábio Barreto quer nos mostrar em seu livro.  A humanidade acaba quando nós deixamos de ser humanos!

O livro é ótimo e li há um bom tempo, li online, e li em duas noites, ele é daqueles quem prendem mesmo, que comovem o leitor, que você pensa se as coisas realmente são justas. O fim dele é triste, mas interessante, é uma luta é uma guerra, e em guerras algumas vidas são perdidas. Acho valido da uma lida, pra quem gosta desse estilo vai curtir muito, além de conhecer um autor brasileiro fantástico!

Fica a Dica !!

Anúncios

Um comentário em “Filhos do Fim do Mundo – Fábio Barreto

Olá, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s