Resenha: O Conto de Y – Raízes, Espadas e Ossos

0 Flares 0 Flares ×

O Conto de Y… Estar no lugar errado e na hora errada, às vezes é bom!

Sinopse: Uma terra de monstros e magia, onde criaturas vagam atacando inocentes e feiticeiros lidam com forças capazes de corromper o mais integro dos homens. Um reino onde algumas pessoas aproveitam seus dons de força ou da mente para se tornar aventureiros e combater tais males em troca de pagamentos ou pelo simples desejo de fazer bem. Neste cenário, Y, um aventureiro viajante, aceita uma missão supostamente simples para resgatar a filha de um líder local, mas se vê envolvido nos planos da Làithean, um grupo de druidas e magos que não hesita em assassinar cidades inteiras para atingir seu objetivo: Vingar a derrota dos elfos em uma guerra ocorrida séculos atrás e garantir que a natureza se sobreponha aos humanos e demais raças

Ficção, Romance, Aventura & Fantasia, Bestas Mágicas, Magia, Idade Média / 193 Paginas / Cortesia do Autor / Autor Piaza Merighi/ Publicado em 2018 / Classificação 4/5 / Compre & Compare ocontodey.com.br

O conto de Y é uma história inacreditavelmente interessante, em diversos momentos você se diverte com o personagem, sofre com ele e se irrita pelas coisas que o afinge, mas também é uma história que todo jogador de RPG ou fã de Tolkien imaginou um dia.

Acompanhamos o jovem Y tentando levar sua vida de aventureiro numa boa, mas por uma sucessão de fatos ele acaba no meio de algo muito maior do que poderia sequer imaginar, ele se vê em uma luta que não é dele, com pessoas que ele nunca ouviu falar e pra piorar… Com aliados um tanto quanto duvidosos.

A história é bem fluida e não perde tempo com coisas irrelevantes para o enredo, temos aqui uma linha reta e sem pausas, o autor – para aqueles que não sabem, ele é brasileiro –  por diversos momentos brinca com outras histórias que seguem um padrão de: O herói que resgata a donzela em perigo após derrotar o vilão com a ajuda de seus aliados e de uma grande aventura de auto conhecimento pelo reino. Essa história não é assim.

Um ponto forte e legal também é que a narrativa parece um grande jogo de RPG que foi compactado em um livro, não é difícil imaginar um jogo antigo de fita, tipo chrono trigger, mas tendo Y como seu personagem principal. Espero que venham outras obras deste universo que tem muito potencial de crescimento.

Então se você busca uma história que foge dos padrões de contos de fadas e ainda tira um sarro deles, você precisa ler  O Conto de Y

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×
The following two tabs change content below.

Kinder

Sei lá, acho que to coisado... Me chamo Fernando - Mas podem me chamar de Kinder - sou um jovem adulto tentando encontrar seu lugar no mundo e buscando refugio em outros, principalmente nos mundos de aventura e fantasia, fã de memes e cultura pop, admirador de Doctor Who e em busca de um Delorean.

Latest posts by Kinder (see all)