Resenha: A Mão Esquerda de Deus

0 Flares 0 Flares ×

“A sua chegada foi profetizada, dizem que ele destruirá o mundo… Talvez destrua.”

Sinopse: Habitado por meninos que foram levados para lá muito novos e geralmente contra a sua vontade, o Santuário dos Redentores é uma mistura de prisão, monastério e campo de treinamento militar. Lá, esses milhares de garotos são submetidos a uma sádica preparação para lutar contra hereges que vivem nas redondezas. A intenção dos Lordes Opressores, os monges que protegem o lugar, é fortalecer os internos tanto física quanto emocionalmente, preparando-os para uma monstruosa guerra entre o bem e o mal. Entre os jovens está Thomas Cale, um garoto que tem uma capacidade incomum de matar pessoas e organizar estratégias de combate. Essas poderosas habilidades serão colocadas à prova quando ele e dois amigos testemunham um brutal assassinato entre os corredores labirínticos da prisão. A visão do crime dá início a uma perseguição desesperadora e, finalmente fora dos muros do monastério, Cale irá compreender a extensão da crueldade dos lordes e a verdadeira origem de seu poder.

Ficção, Romance, Aventura & Fantasia, Religião, Idade Média / 328 Paginas / Editora Suma De Letras / Autor: Paul Hoffman / Publicado em 2010 / Classificação 4/5 / Compre & Compare Fnac Livraria da Folha

Em A mão esquerda de Deus somos apresentados ao jovem Thomas Cale.

Cale vive em um monastério com vários outros garotos, lá eles são treinados por monges – meio ninjas – que dizem que estão se preparando para a grande guerra final entre o bem e o mal.

Cale era um dos melhores entre os jovens, enquanto estava no monastério, era capaz de pensar em várias formas de matar um homem e em estratégias, quase, perfeitas para se ganhar uma batalha.

Mas como tudo sempre da errado – caso contrario não teríamos nossa história – a vida de Cale mudou de uma forma espantosa quando ele descobre um segredo perturbador sobre os monges e a situação o obriga a tomar uma decisão que decidira o futuro da humanidade.

Já fora dos muros do monastério ele terá seu primeiro contato com o mundo e percebera que a vida é mais cruel do que ele imaginou.

É desta forma que o primeiro livro de uma trilogia incrível começa, o Sr. Hoffman é o responsável por nos trazer uma história intensa com um enredo perfeito e personagens carismáticos. Na sua época de lançamento diziam que seria o próximo Harry Potter, mas refuto completamente esta hipótese. O estilo de magia em A Mão Esquerda de Deus é algo mais sutil, que te faz acreditar que realmente seria possível existir, e sem contar que não existe outras raças além dos humanos. Embora seja um livro de ficção, não há tanta magia. Embora seja um livro de fantasia, é muito realístico. Um livro para se pensar sobre o caminho que a humanidade está tomando… E se realmente é o certo.

“O amor entre um homem e uma mulher é o melhor exemplo possível de como todas as esperanças deste mundo são uma ilusão absurda, e isso porque o amor promete extraordinariamente muito e nos entrega extraordinariamente pouco.”

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×
The following two tabs change content below.

Kinder

Sei lá, acho que to coisado... Me chamo Fernando - Mas podem me chamar de Kinder - sou um jovem adulto tentando encontrar seu lugar no mundo e buscando refugio em outros, principalmente nos mundos de aventura e fantasia, fã de memes e cultura pop, admirador de Doctor Who e em busca de um Delorean.