Resenha: A Deusa Cega – Anne Holt

0 Flares 0 Flares ×

 

Sinopse: O corpo desfigurado de um traficante de drogas. Um homem coberto de sangue vagando pelas ruas da capital da Noruega. E um advogado criminal com fama obscura assassinado com um tiro. Três eventos aparentemente isolados instigam o faro apurado de uma investigadora sagaz e irônica, que junto com seu colega mergulha em um caso com poucas pistas e muitas perguntas sem respostas. Em meio a boatos envolvendo advogados e o tráfico de drogas, mensagens codificadas e uma enorme rede de corrupção que pode chegar aos altos escalões do governo, a autora descreve, em uma trama policial, uma teia de crimes e batalhas políticas.

Romance | 342 páginas |  Editora Fundamento Autora: Anne Holt   | Ano da Edição: 2013 | Compre & Compare SaraivaFnac Livraria da Folha|  Classificação 4/5 

Bem, esse é o primeiro livro da série da Detetive Hanne Wilhelmsem. O livro foi lançado em 1993 e até hoje faz sucesso. Infelizmente aqui no Brasil só possuem tradução para 3 de 8 livros da série.

Eu já resenhei aqui o último livro da série aqui (1222).

O fato dos livros possuírem histórias independente é ótimo. Podemos perceber a mudança no estilo da detetive nos dois livro. No primeiro (A deusa Cega) ela é muito mais ativa e impulsiva. Já no último (1222), percebemos que ela sofreu um acidente e que mudou muito a forma de se relacionar com as pessoas.

Mas falando um pouquinho da história. Tudo começa quando Karen Borg, uma advogada de sucesso, encontra o corpo irreconhecível de um homem. O suspeito desse crime é um holandês de 22 anos que se recusa a falar com qualquer pessoa a não ser Karen. Logo no início entendemos o motivo do sujeito não querer falar. É que ele está envolvido numa trama enorme e perigosa de tráfico de entorpecentes onde alguns advogados estão também inseridos.

Hanne foi escalada como inspetora desse caso e junto com Håkon Sand começam a buscar mais pistas desse caso. À medida que se envolvem vão percebendo quão bem essa trama está articulada e o quão difícil será para entrar nela e preder os verdadeiros culpados.

Tratar de um tema tão complexo que é tráfico de drogas e ainda fazer uma ligação com Estado foi fenomenal e muito bem feita. E percebemos que apesar de ter sido escrito em 1993 o tema ainda é extremamente atual e ocorre de formas semelhantes ainda hoje.

Anne consegue nos prender nessa história e pra quem gosta de livros de suspensa, crimes e mistérios tipo os da Agatha Christie esse livro é ideal.

Super recomendo.

Beeijos

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×
The following two tabs change content below.

Thalita Dantas

Estudo engenharia na UFABC. Adoro histórias realistas que discutem sobre a sociedade, mostrando seus defeitos e qualidades; Gosto de viajar e sair com meus amigos; Amo minha gata de estimação ^^ Meu sonho é conhecer outras culturas, países e povos.

Latest posts by Thalita Dantas (see all)